6 Mangás Sobre Jogos Que Todo Gamer Deveria Ler

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Estes mangás sobre jogos são essenciais para todo gamer, pois trazem muitas emoções envolventes em vários cenários diferentes! A temática principal é clara: Jogos! Mas cada um desses mangás traz uma perspectiva diferente sobre o assunto.

Desde baralhos, poker, jogos online de magia e fps, ou até mesmo jogos na vida real que colocam a vida dos personagens à prova. Todos trazem características que todo jogador adora, como estratégia, desafio e competição.

Separamos aqui uma lista de 6 mangás sobre jogos que irão entreter e te fazer sentir parte do universo próprio de cada um enquanto lê as aventuras de suas páginas. Além disso, para aqueles que preferem a animação à leitura, estes títulos têm suas próprias versões de anime!

Foto: Divulgação

BTOOOM

A história de BTOOOM se passa na realidade, onde um jovem de 22 anos, desempregado e que mora com a mãe, vive uma aventura desesperadora onde tem que sobreviver e lutar para sair da situação em que se encontra. Apesar de, na vida real, Ryota ser um fracassado, no mundo online ele é mestre no jogo BTOOOM.

Dentro do jogo, que é um FPS (First Person Shooter), os jogadores agem por si só em uma modalidade mata-mata. As armas disponibilizadas para atacar e defender, são bombas com funcionalidades bem peculiares, como por exemplo mirar no inimigo e voar até ele para explodir.

O que Ryota não espera é acordar em meio a uma floresta, onde ao invés de receber ajuda, é recebido com ataques de bomba. A partir daí, ele se encontra na versão real de seu jogo favorito. Será que ele vai conseguir ter as mesmas habilidades do game, na vida real?

Cheio de altos e baixos, surpresas e emoções, o enredo pode se tornar um tanto sangrento! E é exatamente a sensação de não saber o que está por vir que nos prende dentro desta história que vale a pena conferir.

Escrito por Jun’ya Inoue, o mangá é de 2009 e foi publicado no Brasil pela Editora JBC. A obra conta com 27 volumes – digitais ou impressos, sendo o volume #26 Light e #26 Dark duas versões diferentes para o final, feitas pelo autor. Sua versão animada, foi lançada em 2012 e tem 12 episódios.

Foto: Divulgação

Sword Art Online

Se tratando de mangás sobre jogos, Sword Art Online te envia para dentro de um jogo, literalmente! A história conta sobre o lançamento do dispositivo Nerve Gear, que é como um capacete que traz o jogo Sword Art Online para a Realidade Virtual.

O jogo é um MMORPG – Massively Multiplayer Online Role-Playing Game, que permite aos jogadores viverem suas vidas como personagens que eles escolhem as características de aparência e também de habilidades. Os jogadores exploram o universo realizando tarefas, missões e desafios para subirem de nível.

O plot, que torna tudo mais interessante, é quando em determinado momento, os jogadores ficam presos dentro do jogo e não existe mais a opção de sair. Para tornar tudo ainda mais desesperador, se você morre dentro do jogo, pode dizer adeus à sua vida real.

Do lado de fora, os corpos dos jogadores se mantêm vivos em hospitais, a partir de soro fisiológico e ligados ao mecanismo do Nerve Gear, que aliás, também dá um fim à vida da pessoa se for retirado! Já do lado de dentro, é uma batalha para sobreviver e o lado positivo é que os poderes e habilidades são úteis aos personagens.

Para sair do jogo, é necessário vencer os 100 níveis do universo dentro do game, e é aí que entra Kirito, um dos jogadores que já havia participado dos testes beta de Sword Art Online.  Essa característica se torna sua grande aliada ao partir na aventura de zerar o jogo, criando amizades e usando todas suas habilidades para sair desse pesadelo!

Lançado em 2009, essa obra foi idealizada por Reki Kawahara. No Brasil, sua publicação impressa foi feita pela Panini Books. O mangá conta com 9 volumes especiais e além disso possui quatro Light Novels (ilustradas), duas escritas pelo autor original, Reki Kawahara e as outras duas por Keiichi Sigsawa e Watase Souichirou, totalizando 43 volumes.

Para ver mais além, a história possui a animação em quatro partes até agora: Sword Art Online – 25 episódios, Sword Art Online II – 24 episódios e Sword Art Online: Alicization (Parte 1) Sword Art Online: Alicization – War of Underworld (Parte 2) – 47 episódios. Como foi uma série muito aclamada pelo público do mundo inteiro, também possui 2 filmes lançados!

Para quem ainda tiver interesse em se aprofundar mais nesse universo, estão disponíveis sete jogos da franquia Sword Art Online. Vale a pena conferir essa jornada que possui adaptações para todos os gostos, mangás, light novels, filmes e jogos!

Foto: Divulgação

Kakegurui

Com um desenvolvimento um pouco diferente do mundo dos jogos online, Kakegurui foca em todos os tipos de jogos e o objetivo principal de cada um é ganhar a aposta. O próprio título “Kakegurui” significa gambling – aposta.

A Academia Privada Hyakkaou é diferente de uma escola comum. Ao invés de classificar os estudantes em um ranking por suas notas, é através de suas habilidades nas apostas que eles recebem sua popularidade e privilégios. Toda vez que alguém perde um jogo, esse aluno se torna um “pet” e deve servir e seguir àqueles para quem perderam.

Com certeza o mangá possui um humor peculiar e catastrófico, no sentido que as personagens principais têm reações extravagantes e apostam tudo – até a própria vida – durante seus lances. Apesar disso, os jogos são sempre diferentes e a lógica e estratégia de cada um nos faz pensar muito tentando entender o que está acontecendo.

É uma emoção atrás da outra conforme a personagem principal, Yumeko, desafia apostadores profissionais e os membros mais importantes da escola, o grêmio estudantil. Apostas perigosas, lógica e estratégias te prendem na história, te dando o gostinho de querer saber a próxima jogada. Muitas reviravoltas prometem uma ótima leitura.

Criado em 2014, por Homura Kawamoto, atualmente o mangá conta com 29 volumes, nestes, está incluso uma história à parte com foco em outra personagem. Você pode ler o mangá digitalmente ou pode assistir ao anime que possui 27 episódios, separados em duas temporadas. O anime também está disponível dublado! Adicional a todo esse material, já existe um filme em live action, de 2019 e outro está previsto para lançamento ainda em 2021.

Foto: Divulgação

No Game No Life

Este é mais um mangá sobre jogos em um mundo de fantasia. Dois irmãos inseparáveis, Sora e Shiro, possuem habilidades extraordinárias quando se trata de jogos e estratégia. Na vida real, os dois são reclusos e antissociais, mas no mundo dos jogos, eles fazem parte de um famoso grupo de misteriosos jogadores que vencem todas as partidas de todos os games.

Um dia, após receberem um desafio para um jogo de xadrez, os irmãos são convidados para entrarem em um mundo de fantasia onde tudo é determinado a partir de jogos. Dentro desse mundo, Deus é o jogador supremo, e Sora e Shiro irão viver uma aventura para poderem ter a chance de desafiar Deus para uma partida e tentar se tornarem Deus nesse mundo.

Esse mangá é mais curto e atualmente possui somente 2 volumes escritos por Yuu Kamiya em 2013 e 4 volumes feitos por Yuizaki Kazuya em 2015. A história completa se encontra em suas light novels ilustradas, que possuem 10 volumes até hoje, escritos por Yuu Kamiya.

A sua versão de animação também existe e tem 12 episódios, que são complementados por um filme animado de 2017.

Foto: Divulgação

Alice in Borderland

Tratando-se de mangás sobre jogos, a história de Alice in Borderland é diferente e envolvente. Começa que as pessoas em Tóquio simplesmente desaparecem e o lugar parece abandonado. Com seus amigos, Arisu tenta descobrir o que está acontecendo. Presos em uma realidade alternativa, eles descobrem que para sobreviver, precisam enfrentar desafios temáticos que envolvem estratégia, sentimento, força e resiliência.

Existem outros “jogadores” que se reúnem a noite em prédios distintos que apresentam novos jogos todos os dias. Ao vencer os jogos, a pessoa recebe mais alguns dias para continuar viva.

Ou seja, se você não jogar, você morre. Se você perder, você morre. O jeito é encontrar o padrão dos jogos, usar as melhores táticas e sobreviver! Ao fim de cada jogo é disponibilizada uma carta de baralho, que também é o que indica a dificuldade e temática do jogo da vez.

Será que há uma saída desse mundo à parte? Será preciso recolher as cartas e completar o baralho como uma forma de saída dessa loucura? Mistérios e jogos perigosos os aguardam nessa aventura.

Desde 2010, Alice in Borderland (Imawa no Kuni no Arisu) possui 28 volumes escritos por Haru Aso, os últimos 3 volumes são de 2021. Sua animação possui apenas três episódios (OVA) mas recentemente uma série em live action foi disponibilizada, contando com 8 episódios que seguem a história original.

Foto: Divulgação

Accel World

Passando no ano de 2046, onde é possível fazer uso da neuro sincronização ao mundo virtual, através do dispositivo Neuro Link, o jovem Haru procura escapar de sua realidade. Pequeno e gordinho, Haru sofre bullying constante e se sente feliz quando está dentro da realidade virtual.

Dentro do mundo virtual da rede da escola, ele joga constantemente um joguinho chamado “squash” e é conhecido por ter as melhores pontuações. Mas a verdadeira aventura começa quando o menino recebe um convite da vice-presidente do conselho estudantil para usar um programa secreto chamado Brain Burst.

Com esse recurso, Haru pode fazer seus arredores parecerem parados, enquanto acelera suas ondas cerebrais. Porém há um preço, que são os pontos do Brain Burst e para conseguí-los é necessário ingressar em uma série de jogos de luta e vencer os adversários que também utilizam o programa. E para completar a dificuldade, se um usuário perde todos seus pontos, perde totalmente o acesso ao programa e jamais poderá reinstalar.

Durante o desenvolvimento da história, Haru tem por objetivo alcançar o maior nível dentro dos jogos e ter uma chance de se encontrar com o criador do Brain Burst e descobrir qual a verdade por trás desse recurso. Haru e a vice-presidente terão de enfrentar inúmeros adversários e desafios.

Datado de 2009, esse é um mangá sobre jogos que foi escrito por Reki Kawahara e possui 9 volumes em mangá. Suas light novel ilustrada, contém até hoje 25 volumes e continua em produção. Para complementar, não poderia faltar a versão em anime, que é composta por 24 episódios no total.


E estes foram os 6 mangás sobre jogos que listamos hoje. Magia ou realidade, todos envolvem os fatores que fazem qualquer gamer ficar fascinado em um jogo. Para os amantes de mangás, com certeza algum – ou mais – desses irá chamar atenção.

É com a leitura que nossa mente fica mais criativa e apesar de todos terem suas versões em anime, live actions e filmes, a emoção de ler e adentrar o universo de cada uma dessas histórias é única.

Uma ótima leitura e que você possa se aventurar dentro desses universos fantásticos, perigosos e cheios de mistério.

Por Letícia Plonski.